2017-08-13

Postagens

Tecnologia do Blogger.



POLÍCIA MILITAR ESTOURA MAIS UMA BOCA DE FUMO EM CÁCERES,  APREENDENDO MAIS DE 60 PORÇÕES DE DROGAS COM SUSPEITO



 Uma denúncia anônima foi averiguada pelos policiais do 6º BPM, e na chegada três indivíduos e empreenderam fuga, sendo que um deles foi capturado e com ele encontrado porções de drogas prontas para serem comercializadas.
                        

Foto: R.S.W.A./ Ed F.A.


No início da tarde deste sábado, um verdadeiro atropelo em uma boca de fumo, foi causada pela chegada de Policiais  Militares, que tinham como determinação, averiguar uma denúncia de vendas de entorpecentes em uma boca de fumo.
                        
O fato ocorreu por volta das 13:50 hs,  na rua das Palmeiras, no bairro Massa Barro, onde um ponto de comercialização de drogas, já conhecido pelos policiais, foi novamente denunciado, que estava funcionando a pleno vapor .

 Embora as equipes realizassem diligências e patrulhamento constante, faltou aquela oportunidade certe , de pegar os criminosos com a mão -na -massa, como se diz, na gíria popular.
                       
Os militares chegaram no local, onde visualizaram três suspeitos saltando os muros dos fundos e empreendendo fuga, quando visualizaram os policiais.
                        
 A equipe conseguiu adentrar o local evitar a fuga de um dos suspeitos, que eu estava bastante exaltado, se debatendo mais que "boneco doido".      
                  
Foi necessário até mesmo aquela famosa espirradinha de gás de pimenta na cara do indivíduo, para cessar um pouco seus movimentos e inibir a reação dos mesmo, evitando assim que ferisse os policiais e a si próprio.
Foto: R.S.W.A./ Ed F.A.
                        
 O indivíduo que foi pego pelas calças, já tentando pular o muro,  foi identificado como F.V.F.S. de 18 anos, morador do mesmo bairro.
 A casa é de uma amigo deste suspeito, e o mesmo conseguiu se evadir, junto com outro, segundo apurado pelos policiais.                        
 Com este indivíduo os Policiais encontraram 60 porções, análoga a pasta base de cocaína devidamente embalados e pronta para serem comercializadas.
                        
Ainda foram encontradas duas porções maiores ácido bórico e uma outra de pasta base pesando aproximadamente 27 gramas.
 Também foram apreendidos vários pedaços de plásticos recortados, em formato redondo, da mesma forma que é utilizada para embalar porções de drogas para serem comercializadas aos usuários.
Foto: R.S.W.A./ Ed F.A.


O mesmo foi conduzido juntamente com entorpecente apreendido para 1ª DP, onde foi hospedado em uma das celas confortáveis do local, também conhecida como xilindró, enquanto policiais tomava outras providências
DUPLA ROUBA JOALHERIA EM ARAPUTANGA, E FOGE DE MOTO, LEVANDO 4 RELÓGIOS

Dois criminosos chegando de moto, e enquanto um aguardou com motocicleta ligada, o outro entrou comércio e praticou o roubo.


Foto: ilustração/ Reprodução WEB

                       
Na tarde desta sexta-feira dia 18, mais um roubo a comércio foi registrado, tendo como alvo uma joalheria, na cidade de Araputanga, distante a cerca de 350 KM da Capital Cuiabá.
                        
O crime praticado por dois indivíduos, que chegaram em uma moto preta, na Casa das Alianças, situada na Avenida 23 de Maio, Centro da cidade.
                       
Um dos criminosos permaneceu na motocicleta, com motor funcionando, em quanto seu comparsa entrou no estabelecimento comercial armado e anunciou o roubo.
                        
Local foram levados 4 relógios dourados, modelo feminino, que o criminoso recolheu da vitrine e logo saiu da loja, voltando para a moto.
A motocicleta utilizada era uma Honda aparentemente CG, de cor preta, na que a dupla empreendeu fuga sentido a cidade Indiavaí, pela rodovia MT 248.
                       
As equipes realizaram de diligências, e comunicaram as Unidades policiais das cidades da região, porem até a tarde deste sábado tenho dor de ouvidos a vida sendo preso.
                        
 O fato foi registrado na Delegacia de Polícia Civil de Araputanga, que investiga o crime.



 CABRITEIRO SE ASSUSTA COM COMBOIO DA AERONÁUTICA E ABANDONA HILUX NA BR-070, ENTRE CUIABÁ E CÁCERES.


A caminhonete foi roubada na Cidade de Tangará da Serra e passou pela capital do Estado de onde estava sendo levada para região de Fronteira 

Foto; PRF/ Ed F.A.

 Por volta das 11 horas desta sexta-feira dia 18, Policiais Rodoviários Federais, que atuam no Posto de Fiscalização 302, conhecido como Posto da PRF do 120, foram acionados por uma Guarnição de Aeronáutica. Os militares informaram que estavam no quilômetro 602, com as viaturas paradas à margem da rodovia BR-070, quando perceberam que o condutor de uma caminhonete Hilux de cor prata para o bruscamente o veículo e saiu correndo para dentro do mato.
                        
O fato curioso porém bastante corriqueiro, nesse trecho da rodovia, principalmente em abordagens da PRF, foi averiguado pelos Policiais que constataram que a caminhonete de placas QBW 6644 utilizava placa fria já com a tarjeta da cidade de Cáceres-MT.
                        
Através da checagem minuciosa, os PRFs descobriram que na verdade a caminhonete possui a placa original como BBD 0574 de Arapongas Paraná que foi roubada no último dia 15 de agosto na Cidade de Tangará da Serra-MT.
                        
Dois fatos chamaram a atenção dos policiais, sendo o primeiro é que a caminhonete roubada em Tangará da Serra teria dado uma volta indo primeiro a capital, e depois seguir para região de Fronteira, onde foi abandonada no meio do caminho.
                        
A segunda é que os criminosos estão utilizando a modalidade de utilizar em placas de cidades da região de Fronteira para não chamar atenção dos policiais durante a abordagem que geralmente concentram mais atenção em veículos com placas de outras cidades que se deslocam para região de Fronteira onde posteriormente oclusão para a Bolívia.
                        
 Delegacia de Polícia Civil de Poconé onde outras providências estão sendo tomadas bem como os trâmites para a devida restituição ao seu legítimo proprietário.


 BANDIDOS TRANCAM 19 PESSOAS EM UM QUARTO E ROUBAM DUAS HILUX, NO INTERIOR DE MT

As Vítimas ainda estavam reunidas após um culto evangélico, quando foram surpreendidas pelos criminosos, que além das caminhonetes também levaram vários outros pertences das vítimas, em São Jose dos IV Marcos.

                        
Na noite desta sexta-feira dia 18, uma ação criminosa bastante audaciosa ocorreu no centro da cidade de São José dos Quatro Marcos, na Região Oeste de Mato Grosso. 
                       
A cidade que fica na Fronteira com a Bolívia, distante a cerca de 300 km da capital, foi cenário de mais uma noite de terror para uma família e seus convidados, onde bandidos em buscas de objetos de valores e caminhonetes de luxo não se importavam nem mesmo com grande número de pessoas presentes no local.
          
Ilustração
             

O fato ocorreu por volta das 22:50 na rua Santa Catarina, no centro da cidade, onde após um culto evangélico, que reuniu cerca de 19 pessoas entre familiares e convidados, todos e encontravam jantando quando três criminosos abriram o portão, invadindo a residência do Senhor  J.V.P. de 57 anos.
                        
Eram três bandidos, que estavam armados e bastante exaltados,  apontavam as armas e faziam ameaças para as pessoas presentes. Na sequência as vítimas foram levadas para um determinado quarto, onde sob ameaças foram obrigados e lhes entregar seus pertences pessoais.
                        
Dentre eles sete aparelhos celulares, quatro alianças, R$ 1.500,00 em moeda corrente e uma bolsa.
                        
Da residência os bandidos também levaram vários objetos, que estavam em outro quarto, fazendo um verdadeiro limpa, roubando três relógios, uma TV de 32 polegadas, uma caixa de som, várias roupas avaliados em cerca de R$ 1.400,00, dois notebooks, óculos de sol, perfumes e vários outros itens pertencentes  A.J.P.P., filho do dono da residência.
                        
 Os criminosos pediram as chaves das duas caminhonetes Hilux sendo uma de cor branca com a placa CQW- 1171, de ano 2010,de Turmalina SP. e  de outra caminhonete também Hilux, de cor prata, com placas QBR 7245, ano modelo 2015, da cidade de São José dos Quatro Marcos-MT.
                       
 Ainda haviam documentos pessoais de uma das vítimas e ainda um talão de cheques, mais de R$ 2.000,00, em espécies, um instrumento musical de sopro  (trombone) e outra carteira com documentos pessoais D. P. M.
                        
 Assim que foram acionados os policiais foram até o local ,onde as vítimas se encontravam após a fuga, dos bandidos com os objetos e veículos roubados que tomaram rumo ignorado.
                        
As informações com características de dados dos veículos foram repassados para várias unidades sendo que até amanhã deste sábado nenhuma informação de recuperação ou identificação dos criminosos.

 QUALQUER INFORMAÇÃO QUE POSSA LEVAR A PRISÃO DOS SUSPEITOS OU A RECUPERAÇÃO DOS VEÍCULOS, PODEM SER REPASSADAS PELOS FONES;

190- POLÍCIA MILITAR
197- POLÍCIA CIVIL
191- POLÍCIA RODOVIÁRIA FEDERAL
0800-65-3939- GEFRON 




POLÍCIA CIVIL DE M. D´OESTE APREENDE MAIS DE 200 MUNIÇÕES, E RECUPERA PISTOLA FURTADA, HÁ SEIS MESES EM CUIABÁ



 Apreensão foi realizada por Policiais Civis, em cumprimento a Mandado de Busca Domiciliar, onde um suspeito foi conduzido para a DP.
                       


Foto: R.S.W.A./ Ed F.A.


No final da tarde desta sexta-feira dia 18, investigadores da Delegacia de Polícia Civil de Mirassol D´oeste,em cumprimento ao Mandado de Busca Domiciliar expedido pela 3ª Vara Cível  da Comarca de Mirassol D´oeste, realizou a vistoria em uma residência, localizada no bairro Santa Luzia, na rua Hermínia Tamandaré.
                        
O Mandado foi cumprido na residência de  O.R.S. de 38 anos, onde os Policiais localizaram uma pistola calibre 380, com 32 munições do mesmo calibre intactas.
Foto: R.S.W.A./ Ed F.A.
                        
 Ainda durante as vistorias foram encontradas mais 200 munições calibre 22, também impactas.
                        
Os investigadores checaram pela numeração da arma, onde constataram que se tratava de uma pistola que havia sido furtada no centro de Cuiabá, no dia 9 de fevereiro de 2017.
                        
 Diante da situação o suspeito foi conduzido para DP, onde foi autuado por posse irregular de arma de uso permitido, e ainda por receptação da referida arma.
                       
O mesmo se encontra à disposição da Justiça,  onde outras providências foram tomadas, pelas autoridades.

POLÍCIA MILITAR PRENDE JOVEM QUE CULTIVAVA CARINHOSAMENTE PÉ DE MACONHA, EM SINOP-MT

                    
Após a prisão, o jovem foi conduzido para Delegacia dentro do camburão, juntamente com arbusto de maconha medindo quase 1 m de altura.
                        
Foto: R.S.W.A./ Ed F.A.
O fato ocorreu em Sinop, cidade ao Norte da Capital Cuiabá, distante a cerca de 481 KMs, na tarde desta quinta-feira, 17 de Agosto.

Policiais do Grupo de Apoio da Polícia Militar de Sinop, receberam uma denúncia de que um jovem estaria comercializando drogas na cidade, na rua da Paz, no bairro Parque das Araras.
                      
A denúncia dava conta de que  um indivíduo cultivava com muito carinho um arbusto de marijuana, ou como conhecida em em bom português, de um pé de maconha.   
                     
 Diante das informações e características do indivíduo, os militares se deslocaram para o bairro, onde visualizaram o suspeito em frente à sua residência.
                        
Durante a abordagem policial, foi constatado que o jovem J.F.F. de 24 anos, portava em seu bolso uma certa porção de maconha e ainda havia tentado dispensar uma outra porção, que estava jogado ao chão.


Foto: R.S.W.A./ Ed F.A.
                        
Durante vistoria no quintal da casa do Suspeito, os policiais encontraram um arbusto de maconha
Cannabis sativa, medindo cerca de 90 Centímetros, e muito bem cuidado, que estava plantando em um vaso de plantas.


Já que o mesmo cuidava com tanta dedicação, foi conduzido juntamente com seu Xodó, para a Delegacia de Polícia Civil, onde outras providências foram tomadas.

POLICIAIS MILITARES APREENDEM PISTOLA, DURANTE ABORDAGEM A SUSPEITOS NA PERIFERIA DE PONTES E LACERDA


  Os policiais foram acionados pelo Copom,  e se deslocaram para as quebradas, em um bairro novo, flagrando um suspeito com a arma na cintura, no pé da Serra.
                    
Foto: R.S.W.A./ Ed F.A.

                   


Por volta das 13 horas, deste dia 18, sexta-feira, uma guarnição Policiais Militares, do 6º  e 17º  BPMs, que compunham viatura, realizavam Operações de fiscalização e abordagens, coibindo a prática de possíveis atos ilícitos, na cidade, quando em atendimento de uma denúncia, conseguiram retirar de circulação mais uma arma de fogo, e em caminhando três indivíduos para a DP.
                       
 O fato ocorreu no bairro Novo Horizonte, periferia de Potes e Lacerda, distante a cerca de 450 KMs da Capital Cuiabá.  Durante os os trabalhos, a equipe foi acionada pelo COPOM ( Centro de Operações Policial militar), que solicitava a intervenção dos policiais, no bairro Novo Horizonte, para coibir a prática de manobras perigosas, em que um condutor se exibia com seu veículo Ford Escort, levando risco a transeuntes e a própria vida dos ocupantes do veículo.
                        
A guarnição se deslocou até uma rua sem nome, pelo fato do bairro ser novo, e quase no " Pé da Serra", avistaram o veículo e os suspeitos.  Foi visualizado o Suspeito J.R. com uma arma na cintura, junto com outros dois  indivíduos.
Foto: R.S.W.A./ Ed F.A.
 Com a aproximação da viatura os indivíduos tentaram correr mas foram impedidos pela ação dos policiais, que prontamente realizaram a abordagem.
                        
 Um dos suspeitos ainda jogou um objeto por baixo do veículo, que foi localizado e constatado que se tratava de uma pistola calibre 380, com 7 munições intactas.  
                     
Durante ação policial foram detidos J.R de 23 anos, e os adolescentes  T.C. F.M. 17 e V.P. também de 17 anos.
                        
Os mesmos foram conduzidos juntamente com a arma para a Delegacia de Polícia Civil de Pontes Lacerda, onde outras providências foram tomadas.
QUATRO SUSPEITOS MORREM EM CONFRONTO COM A PF, DURANTE TENTATIVA DE EMBARQUE DE DROGAS EM NAVIO


 Ação ocorreu na madrugada desta sexta e quatro estrangeiros, integrantes da tripulação, foram presos suspeitos de içarem as mochilas com drogas para o navio, atracado no orto de Santos-SP
                       

Foto: reprodução/ ed F.A.
                                                                                                                                                                                                       
 Publicidade:






                                                                                                                                                                                                       
 Na madrugada desta sexta-feira dia 18, uma ação da Polícia Federal,  resultou na apreensão de mochilas com cocaína estavam sendo colocadas dentro de um navio no Porto de Santos.
                        
Os Policiais Receberam a informação de que uma grande quantidade de cocaína seria embarcado no navio Mozu Arrow, que estava atracado no Porto de Santos, litoral de São Paulo.
                        
 Os policiais realizavam monitoramento do navio, próximo à ponta da praia, quando observaram a aproximação de uma pequena embarcação, com quatro ocupantes.
Foto: Polícia Federal/ reprodução
                        
Esta lancha se aproximou do navio, de onde cordas foram lançadas, para que os mesmos atrela-sem as mochilas que foram içadas para dentro do navio.
                        
 Ao constatar em que se tratava do embarque de drogas, os policiais seguiram em uma lancha da Polícia Federal, onde tentaram realizar abordagem da embarcação suspeita, sendo que de imediato foram recebidos a tiros, enquanto a referida embarcação empreendia fuga pelo canal do porto de Santos, em direção a Vicente de Carvalho.                        
  Durante a perseguição a embarcação, enquanto havia a troca de tiros, os policiais também observaram que objetos foram lançados dentro da água. Durante o confronto os quatro ocupantes foram alvejados, sendo constatado posteriormente que todos foram a óbito, dentro da embarcação.
Foto: Polícia Federal/ reprodução
                       
 Durante a vistoria na lancha dos criminosos os policiais localizaram 8 mochilas, contendo cocaína e ainda outras duas foram recolhidas de dentro da água do canal, que foram lançadas pelos criminosos durante a fuga.
                        
Também foram encontrados dentro da embarcação, dois fuzis de alto poder de fogo, uma pistola e muita munição, utilizadas pelos traficantes.
  
 Alguns dos suspeitos utilizavam coletes balísticos, e suas identidades ainda não foram reveladas pelas Forças Policiais.     

Foto: Polícia Federal/ reprodução

 A equipe da PF realizou vistoria dentro do navio onde quatro homens de nacionalidade estrangeira, integrantes da tripulação, foram detidos, por suspeita de facilitação da entrada da droga para o interior da embarcação.

                 
Foto:  João Paulo de Castro/ G-1/ Santos/ Reprodução/ 










 O Corpo de Bombeiros foi acionado para a realização de uma varredura com mergulhadores no canal, onde possivelmente foram lançados outros objetos, como armas e até mesmo drogas.
                         
 Foram apreendidas prendidas três mochilas contendo drogas que já haviam sido recolhidas, dentro do navio, que tem bandeira das Bahamas.
                        
Investigação para identificação das pessoas a bordo que fariam parte do esquema.
BANDIDOS FURTAM CAMINHÃO PRANCHA E PÁ CARREGADEIRA, DURANTE A MADRUGADA, NA FRONTEIRA


 O caminhão prancha estava estacionado, em frente a casa da vítima, na cidade de Comodoro-MT, com a máquina em cima.


Foto: Divulgação

                                                                                                                                                                                                         
Publicidade:
                MAGAZINE MARIA

AQUI VOCÊ TEM VEZ E DESCONTOS DE VERDADE.

O ORTEGA GARANTE PREÇO, ENTREGA E QUALIDADE.



Lojas também em Araputanga e São José dos IV Marcos.


                                                                                                                                                                                                                      


Policiais Militares,  Civis  e também da PRF, da região oeste de Mato Grosso, investigam mais um crime ocorrido na fronteira, onde desta vez os criminosos levaram uma pá carregadeira e um caminhão na cidade de Comodoro.


O crime ocorreu na cidade de Comodoro, a cerca de 700 KM a Oeste da Capital Cuiabá, por volta das 02: 00 horas, desta sexta-feira dia 18, na rua Prefeito Waldir Massutti, no bairro Vacaria, periferia da cidade.
                           
 A vítima Luiz Sebastião Fritsch, havia deixado estacionado em frente à sua casa um caminhão Mercedes Benz/L 2638, de cor branca, com placas AMI- 9332, da cidade de Comodoro, Mato Grosso, carregado com um uma pá carregadeira, de cor amarela, de marca Volvo.
                        
 O crime foi descoberto pela manhã, quando a vítima constatou que o veículo havia sido levado durante a madrugada por criminosos, que ainda não foram identificados.
                        
 As primeiras informações obtidas são de que o caminhão tomou sentido a Rondônia, onde as Forças Policiais daquele Estados já foram alertados e realizam diligências, na tentativa de localizá-lo.                        
Qualquer informação entrar em contato com os telefones;

 197- Polícia Civil

190- Polícia Militar

191- PRF

ou ainda pelo 0800-65-3939- GEFRON



POLICIAIS MILITARES DE SÃO J. DOS IV MARCOS RECUPERAM VEÍCULO FURTADO DURANTE A MADRUGADA

O ladrão atolou o carro na lama em uma estrada vicinal, conhecida como estrada da sub estação, na periferia.

Foto: Raul Valentim/ Ed F.A.
                                                                                                                                                                                                     

Publicidade:


    A PASSEIO OU À NEGÓCIOS,  SEJA BEM VINDO AO    MIRASSOL PÁLACE HOTEL, SUA CASA FORA DE CASA







                                                                                                                                                                                                     

Os fatos:

Policiais Militares da 3ª Cia PM de São José dos Quatro Marcos-MT, realizavam diligências na tentativa de localizarem um carro furtado, quando receberam a informação de um veículo abandonado na Estrada da Subestação, se liga na zona rural como também a outros municípios da região.

Foto: R.S.W.A./ Ed F.A.
                        
Uma equipe se deslocou até ao local, onde foi constatado que se tratava de um veículo Volkswagen Gol, de placas JYA-1201, de cor prata, que havia sido furtado durante a madrugada. 
                       
O furto ocorreu no bairro Zeferino 2, na rua Marechal castelo branco,  quando a vítima O.S. de 52 anos dormia tranquilamente, durante a madrugada, dando falta do seu carro pela manhã por volta das 5 horas.
                        
 Não haviam pistas de indicativos de quem seria o autor do crime e mesmo após a localização do veículo os policiais continuam investigando para apurar quem que é o larápio que anda atuando na região.
                        
A vítima também compareceu ao local, e providenciou a remoção do seu carro para a Delegacia de Polícia Civil, onde outras providências serão tomadas e o mesmo terá seu bem devidamente restituído.
DESARTICULADA ORGANIZAÇÃO CRIMINOSA RESPONSÁVEL POR 60% DOS ROUBOS DE VEÍCULOS NA GRANDE CUIABÁ


A operação "Ares Vermelho" deu cumprimento a 125 ordens judiciais, sendo 51 mandados de prisão preventiva, 12 conduções coercitivas e 62 buscas, em 4 Estados .

Foto: Lenine Martins/Sesp-MT


A Polícia Judiciária Civil desvendou uma rede criminosa responsável por crimes patrimoniais de roubos, furtos, receptação e adulteração de veículos em Mato Grosso. A organização é responsável por 60% dessas ocorrências nos últimos três meses nas cidades de Cuiabá e Várzea Grande. A operação "Ares Vermelho" foi desenvolvida pela Delegacia Especializada de Roubos e Furtos de Veículos Automotores (Derrfva) e a Diretoria de Inteligência.

A operação foi desencadeada na manhã desta quinta-feira (17.08) para o cumprimento 125 ordens judiciais, sendo 51 mandados de prisão preventiva, 12 conduções coercitivas e 62 buscas e apreensão domiciliar, nos Estados de Mato Grosso, Pará, Rondônia e Mato Grosso do Sul. Também foram apreendidos quatro veículos, 113 tabletes de maconha, armas e munições. Fora do Estado de Mato Grosso, a operação cumpriu cinco mandados de prisão e cinco buscas em Campo Grande, uma condução coercitiva em Novo Progresso, no Pará, cinco prisões preventivas e cinco buscas em Rondônia.

Foram efetuadas 51 prisões, sendo 45 mandados de prisão preventiva, 6 flagrantes, realizadas 62 buscas e apreensão domiciliar e 5 conduções coercitivas para interrogatórios. Também foram apreendidos 4 veículos, 113 tabletes de maconha, armas e munições. Fora do Estado de Mato Grosso, a operação cumpriu 5 mandados de prisão e 5 buscas em Campo Grande, 1 condução coercitivas em Novo Progresso, no Pará, 5 prisão preventiva e 5 buscas em Rondônia.

O balanço da operação foi apresentado pelos delegados coordenadores da operação, Hugo Bruzulato Teixeira, Marcelo Martins Torhacs, ambos da DERFFVA, e Luiz Henrique de Oliveira, da Inteligência, acompanhados do secretário de Estado de Segurança Pública, Rogers Elizandro Jarbas, o delegado geral da PJC, Fernando Vasco Spinelli Pigozzi, o diretor de Inteligência, Gerson Vinicius Pereira e o diretor Metropolitano, Anderson Clayton da Cruz e Veiga.

“É uma ação que ocorreu não apenas em Mato Grosso, mas também em outros três estados. Isso demonstra que os nossos profissionais estão preparados para combater as organizações criminosas. Essas ações qualificadas da Polícia Civil serão intensificadas cada vez mais. Tenho convicção que a integração das forças e as ações qualificadas levarão mais sensação de segurança às pessoas, diminuindo não só o furto e o roubo de veículos, o estelionato e o tráfico de drogas, mas também os homicídios e os latrocínios”, disse o secretário de Segurança Rogers Jarbas.
Foto: Lenine Martins/Sesp-MT
As prisões, buscas e conduções coercitivas foram efetuadas nesta manhã por 200 policiais civis distribuídos em bairros de Cuiabá e Várzea Grande, além das cidades do interior (Barra do Garças, Jaciara, Nova Olímpia, Chapada do Guimarães, Sinop, Rondonópolis) e nos Estados de Mato Grosso do Sul, Pará e Rondônia.

O grupo criminoso era liderado pelos detentos Luciano Mariano da Silva, conhecido por “Martelo ou Marreta”, Robson José Ferreira de Araújo, “Carcaça” (que também usa nome de Marcelo Barbosa do Nascimento), Edmar Ormeneze, “Mazinho”, e Wagner da Silva Moura, “Belo”, todos presos na Penitenciária Central do Estado (PCE), em Cuiabá, e integrantes de uma facção criminosa.

Os detentos, em nível de liderança, associados a outros criminosos identificados, praticaram diversos crimes subsequentes relacionados a veículos, clonagens, falsificação de documentos, estelionatos e lavagem de dinheiro.

“A investigação demonstra que se trata de organização criminosa integrada por vários indivíduos, até o momento identificados mais de 70 pessoas envolvidas e com relação direta e indireta na prática de crimes, com funções bem definidas, imprescindíveis à organização criminosa, sendo que várias foram identificadas, mas ainda restam identificar muitas delas”, disse o delegado adjunto da Derrfva, Marcelo Martins Torhacs.

Segundo a investigação, a estrutura montada pela organização é altamente sofisticada, com divisão elaborada no setor financeiro, chegando a manter uma espécie de “caixinha” ou reserva financeira para fomentar o crime nacional e fazer alianças com outras facções criminosas, além da lavagem do dinheiro adquirido nos crimes patrimoniais de veículos.

Na apuração de três meses, logo os policiais desvendaram que no topo da organização está a alta gerência e abaixo suas subdivisões em agentes operacionais ou soldados do crime, gestores de recursos humanos (aliciadores de criminosos e simpatizantes), negociadores internacionais (trocando veículos por entorpecentes oriundos da Bolívia e Paraguai).

“Formavam uma verdadeira empresa do mundo do crime. Havia hierarquia, cobrança de tarefas e produtividades, sempre visando a obtenção de lucros. No curto período da investigação identificamos lucro de R$ 1,2 milhão na comercialização e troca de veículos por drogas e também identificamos que essa quadrilha era responsável por 60% dos roubos ocorridos na região metropolitana”, explicou o delegado titular da Especializada, Vitor Hugo Bruzulato Teixeira.
Foto: Lenine Martins/Sesp-MT

Diante da sofisticação do grupo criminoso, com atuação em diversas frentes do crime organizado, a Polícia Civil, além das ferramentas convencionais de inteligência, utilizou pela primeira vez uma inovação tecnológica, a infiltração digital, para o acompanhamento controlado das ações criminosas em grupos nas redes sociais, com o objetivo da produção de provas autorizadas pela Justiça. “Foi importante para obter todas as provas, bem como identificar todos os integrantes dessa organização criminosa”, afirmou Teixeira.

O trabalho também revelou a abrangência nacional da organização criminosa que promove alianças com facções dos Estados de Rondônia, Santa Catarina, Rio Grande do Norte e Amazonas. objetivando progressos dos criminosos e destruição das instituições de direito.

Com o acompanhamento de 35 eventos por meio de ações controladas, a investigação efetuou a prisão em flagrante de nove criminosos durante o período da apuração, materializando o inquérito policial com provas dos crimes praticados e ainda prisão de criminosos em outros estados da federação. Também foram recuperados veículos (automóveis, caminhonetes e motos), além de apreensão de drogas e armas de fogo.

De acordo com a investigação, os criminosos Luciano Mariano da Silva (Marreta), Robson José Pereira de Aráujo (Carcaça), Edmar Ormeneze (Mazinho), em nível de liderança da célula- criminosa especializada na subtração de veículos e suas trocas por drogas objetivavam capitalizar a facção de Mato Grosso.

Os criminosos cooptavam jovens para prática reiterada de crimes patrimoniais majorados de roubos de veículos, que eram descaraterizados com a substituição, geralmente, de placas, e falsificação de documentos, para venda no mercado interno. Também ficou evidenciada a prática de estelionatos e lavagem de dinheiro pelo reeducando Edmar Ormeneze (Mazinho), com a participação de familiares e outras pessoas aliciadas, utilizando contas bancárias para o cometimento dos crimes.

No pedido das medidas cautelares de prisão, busca e conduções coercitivas, os delegados também solicitaram o bloqueio judicial de seis contas bancárias. As ordens foram expedidas pela 7ª Vara Criminal de Cuiabá – Vara do Crime Organizado. As autoridades policiais requisitaram também a transferência dos líderes da organização criminosa para unidades prisionais do interior ou fora do Estado.
Foto: Lenine Martins/Sesp-MT

Como agiam

Os crimes eram liderados por quatro principais membros da organização criminosa, que estão presos em unidades prisionais de Mato Grosso. Eles encomendavam veículos para comparsas do lado de fora, que agiam como verdadeiros “soldados do crime”, executando os roubos conforme a necessidade (modelo e cor) da organização. Assim, usando carros clonados promoviam rondas pela cidade, em grupos de três a quatro pessoas, objetivando encontrar vítimas com veículos, de acordo com as características repassadas pelos líderes. Caso encontrassem a pessoa desatenta, embarcando ou desembarcando de seu veículo, rapidamente entravam em contato com seus “superiores” e mencionavam o que tinham à disposição. Se o comando criminoso se interessasse pelo veículo, promoviam o roubo.

Duas características faziam do roubo uma ótima opção e a mais realizada. A primeira, pela facilidade de tomar as chaves originais (possibilitando a ação de um criminoso sem conhecimentos específicos de mecânica/elétrica – ligação direta e outros necessários para o furto) e documentos do veículo e bens das vítimas. A segunda, o perfil das vítimas, que por estarem distraídas ou em momento de descontração, possibilitava a aproximação dos criminosos e uma abordagem armada sem maiores problemas.

“Realmente existe uma organização criminosa bastante articulada e os líderes estão dentro do Sistema Prisional. Eles orientam, aliciam e determinam a ação de jovens para prática de roubos e tráfico de drogas. Foi possível identificar esses líderes e segregar esses jovens que estavam praticando cerca de 60% dos roubos de veículos na capital mato-grossense”, finalizou o delegado Marcelo Martins Torhacs.



Foto: Lenine Martins/Sesp-MT


Golpes praticados

Golpe de compra/venda de veículos: Membros do grupo criminoso com maior habilidade de conversação são incumbidos de conversar diretamente, via fone ou whatsapp, com as vítimas, escolhidas dentre os anunciantes de veículos na internet (OLX, Webmotors, usado fácil e congêneres) e, normalmente, buscam por modelos de veículos de comercialização rápida e fácil.

Num primeiro momento, o criminoso se passa por interessado na compra do veículo e sem muita conversa promove o fechamento do negócio. Ao mesmo tempo, negocia o mesmo veículo com algum garagista (vendedor de automóveis) por um preço abaixo do mercado, tornando sua proposta muito atrativa. Desta forma, promove uma venda rápida do veículo da vítima ao garagista.

Encerradas as negociações com as duas vítimas do golpe (proprietário do veículo e garagista), o criminoso simula depósito (normalmente envelope vazio) na conta do proprietário do veículo e solicita que este promova o reconhecimento da firma no recibo de compra e venda para o nome do garagista e entregue o veículo na revenda de automóveis. Em contrapartida, o garagista, acreditando que se trata de um negócio verdadeiro, faz depósito em uma conta bancária indicada pelo criminoso e recebe o veículo.

Tão logo os valores sejam percebidos na conta bancária indicada pelo criminoso, saques em dinheiro são realizados pelos comparsas (“boca do caixa”, autoatendimento, desconto de cheque, etc.) e os valores são divididos entre os comparsas. Habitualmente, o titular da conta bancária fica com valores entre 20% e 40% do depositado pela vítima, pois sabem que suas contas sofrerão bloqueio judicial.

Golpe do Estorno - Além de fazer a vítima perder o veículo no golpe anteriormente explicado, eventualmente, os criminosos simulam mais de um depósito: um no valor combinado para o pagamento do veículo e outro em valor diferente. Para este segundo depósito, cria-se uma estória, na qual o criminoso diz ter realizado o depósito equivocadamente e solicita à vitima que promova o estorno, levando-a mais uma vez a perder seu patrimônio.


Foto: Lenine Martins/Sesp-MT

Participação de populares
De acordo com os delegados, Vitor Hugo e Marcelo Martins, durante a investigação foi comum perceber a participação de inúmeras pessoas, a maioria sem passagem criminal, que ofereciam seus imóveis para locação, os quais seriam destinados a servir de esconderijo de veículos subtraídos ou, até mesmo, entorpecentes. Da mesma forma, o empréstimo de contas bancárias para movimentação de valores oriundos da criminalidade (golpes, “caixinha”, etc.), também era recorrente.

Caixinha

A “caixinha”, tipo de reserva financeira organizada, originada de depósitos de diversos criminosos de várias localidades para fomentar o crime nacional e promove a aliança entre a facção criminosa de Mato Grosso com facções de outros estados, principalmente, Rondônia, Santa Catarina, Rio Grande do Norte e Amazonas.

Efetivo

Participam da operação 200 policiais civis (investigadores, delegados e escrivães) da região metropolitana, com emprego de 67 viaturas policiais e dois helicópteros do Centro Integrado de Operações Aéreas (CIOPaer), além dos policiais das delegacias da Diretoria do Interiore Metropolitana que apóiam a operação nas cidades de Jaciara, Rondonópolis, Barra do Garças, Sinop e Chapada dos Guimarães.

Nome – “Ares” remete ao deus grego das guerras, da guerra selvagem com sede de sangue, daí o complemento “vermelho”, devido a cor.



 Fonte SESP. Acessoria P.J.C./MT


CABRITEIRO LEVA CHUMBO AO ATIRAR EM POLICIAIS DO GEFRON, DURANTE ABORDAGEM NA FRONTEIRA


 Ação ocorreu em um assentamento na região de Fronteira onde dois suspeitos e dois veículos foram presos  

                      
Foto: GEFRON

                                                                                                                                                                                                                 

Publicidade:



 DÊ UM TRATO NO SEU CARANGO 



        Insulfilmes para veículos utilitários por      
          R$ 100,00  aproveite esta promoção          


                                                                                                                                                                                                                 


 os fatos:

Reprodução

Nesta quarta-feira dia 16, por volta do meio dia, mais uma ação do Japão resultou na recuperação de dois veículos roubados e a prisão de dois suspeitos.
                        
Durante o patrulhamento em estradas vicinais no assentamento Katira, localizado a poucos quilômetros de cruzarem a fronteira com a Bolívia, quando se depararam com uma situação de dois veículos roubados.
                        
Foi solicitado apoio de outra equipe da Base Operacional, que se deslocou para a região onde a equipe que estava na Região já estava com um Suspeito preso e o outro já havia sido socorrido para o Hospital Regional em Cáceres.

Os suspeitos estavam com um veículo Fiat Estrada de cor branca placas OOU-0873 e ainda um Toyota Corolla de cor verde, placas EAJ-1157 .
                    
Durante abordagem um dos suspeitos reagiu à prisão efetuando disparo contra os policiais que revidaram contra o mesmo.                        
 O suspeito N.A.C.T de 26 anos, foi alvejado e prontamente socorrido para o Hospital Regional em Cáceres, onde permaneceu recebendo atendimentos médicos e e devidamente acompanhado por pelos policiais.
                        
O  outro suspeito que permaneceu detido no local foi identificado como   L.E.A. de 20 anos.
 Segundo informações preliminares apuradas, os mesmos teriam saído de Cáceres e ido a Cuiabá, onde buscaram os veículos, para serem levados para a Bolívia, quando foram abordados a poucos quilômetros antes de cruzarem a fronteira. 
 pelo serviço a dupla receberia cerca de 2 mil Reais, conforme apurado pela polícia.
                     
 Durante vistoria nos veículos foi constatado sinais de adulteração e que estavam ainda com placas frias, se tratando de mais dois veículos roubados que estavam prestes a cruzarem a fronteira.
                        
O Suspeito L.E.A. foi conduzido juntamente com os veículos foram para a DEFRON ( Delegacia de Fronteira), onde outras providências foram tomadas.
BANDIDOS INVADEM PROPRIEDADE RURAL E ROUBAM DOIS CAMINHÕES E UM COROLA, EM PORTO ESPERIDIÃO

O crime ocorreu às margens da BR-174,  a 22 KM da cidade, na entrada do Distrito de Bocaiuval, e até o fechamento da matéria, nenhum dos veículos havia sido recuperado pela polícia.


Imagem Ilustrativa com dados dos veículos/ ed F.A






 Por volta das 21 horas desta terça-feira 15 de Agosto, Policiais Militares de Porto Esperidião receberam informação de um roubo em andamento, que estava correndo a cerca de 22 km, às margens da BR 174, em uma propriedade rural.                        
O sítio fica em uma das entradas de acesso ao Distrito de Bocaiuva, no local conhecido como Papiro.
                        
Imagem Ilustrativa
 Uma família foi surpreendida por quatro ou mais criminosos, encapuzados e armados, que invadiram a casa anunciando roubo.                        
Os policiais Militares do 1º Pelotão solicitaram apoio ao GEFRON e deslocaram-se até o local onde ainda encontraram as vítimas trancadas e dois quartos, sendo que os bandidos colocaram duas pessoas em cada cômodo em casa.


                        
Bastante abalado o dono da casa J,D, de 65 anos, relatou que os bandidos roubaram dois caminhões Mercedes Benz modelos do 1620 de cor branca, sendo um com placas DJW 6587  e o outro DAO-3289,  ambos de Porto Esperidião-MT. 
Imagem Ilustrativa com dados dos veículos/ ed F.A
                      
Também foi levado um Toyota Corolla de cor branca, com placas QBE-4228, do município de Glória D´oeste-MT e um aparelho de TV.
                        
Imagem Ilustrativa com dados do veículo/ ed F.A
Um dos caminhões possui o rastreamento, que naquele momento indicava a última passagem nas proximidades de Porto Esperidião, para onde outras equipes se deslocaram com uma das vítimas que tinha acesso as informações do rastreamento, com apoio da Polícia Civil.                        
As equipes realizam diligências, porém nenhum dos veículos foi legalizado até manhã desta quarta-feira dia 16.
                        
 As primeiras investigações dão conta de que por volta das 21:25 hs os carros foram vistos passando por dentro da cidade de Porto Esperidião, onde seguiram para Fronteira passando por uma Estrada Vicinal, conhecida como Estrada do Laranjal.
                        
 Várias equipes ainda continua em diligências pela Fronteira no intuito de localizar os veículos que possivelmente possam estar escondidos na região,  ou já teriam cruzado a fronteira para a Bolívia.

Postagens mais visitadas

Arquivo do blog