terça-feira, 30 de janeiro de 2018

Adiada para 1º de julho obrigatoriedade de emissão das CNHs eletrônicas em todo o Brasil



OBRIGATORIEDADE DE EMISSÃO DA CNH DIGITAL É ADIADA PARA 1º DE JULHO EM TODO O BRASIL

 A decisão do DENATRAN e do Ministério das Cidades foi anunciado mesmo dia 30,  pelo motivo  necessidade de ajustes técnicos de órgãos e entidades de trânsito, para emissão


Imagem Denatran-reprodução



 Foi anunciado nesta  terça-feira dia 30 ou adiamento da obrigatoriedade dos Estados eu tirei aí você ligar as digitais em todo o Brasil que ocorreria a partir do dia 1º de fevereiro

 Os principais fatores que motivaram o adiamento foi o acompanhamento dos órgãos que constataram que a  última sexta-feira dia 26 menos da metade dos Estados já haviam iniciado a emissão da carteira de habilitação eletrônica

 Os valores da expedição o documento é o mesmo da versão impressa sendo que Rio de Janeiro e São  Paulo também não estão oferecendo esta opção aos motoristas

 Foi constatado que ajustes técnicos deverão ser realizados em alguns órgãos e entidades de trânsito dos Estados para quê todos sigam com o cronograma de Emissão do documento eletrônico que deverá entrar em vigor a partir do dia primeiro de julho de 2018


 Segundo as autoridades Este é o último prazo que será dado sendo que a CNH emitida em papel Continuará tendo plena validade em todo território nacional


 Agência Nacional e Aviação Civil ANAC também resolvido para que a mesma adquire a CNH eletrônica nos procedimentos de embarques de passageiros.

 O documento eletrônico também servirá como comprovação de identidade nos casos em que a CNH

 É aceita em todo o território nacional segundo informações dos órgãos  17 mil CNH-e
 Já foram impressas

 Dos Estados do Distrito Federal já aderiram a CNH digital estão emitindo o documento de Goiás foi o primeiro estado a disponibilizar o documento a população através da redução um aparelho celular,  quando um projeto piloto foi lançado 10 de outubro
 Os estados
 Acre Alagoas Distrito Federal Espírito Santo Maranhão Mato Grosso do Sul Pernambuco Rondônia Rio Grande do Sul e Tocantins seguiram aderindo a emissão eletrônica posteriormente

 Ainda Pernambuco Minas Gerais também já estão prontos para emissão dos documentos conforme informou o departamento Nacional de Trânsito Denatran