Postagens

GUERRA ENTRE FACÇÕES RIVAIS PODE TER PROVOCADO A MAIOR CHACINA DO CEARÁ

A carnificina ocorreu no Forró do Gago, na cidade de Fortaleza-CE, onde criminosos fortemente armados invadiram atirando nas pessoas.


Foto: reprodução R.S.W.A.


 A chacina ocorreu por volta de 1:30 da manhã, deste sábado 27, na danceteria Forró do Gago próximo à BR-116, no bairro Barroso I, em Fortaleza, e até o momento o número de mortos em suas identidades não foram divulgadas pelas autoridades.


 Segundo apurado até o momento, supostamente membros de uma facção criminosa que estavam na danceteria Forró do Gago, se divertindo e foram surpreendidos pela ação de um grupo armado rival, que invadiu o local disparando contra os presentes na festa.

As principais vítimas foram as mulheres, conforme imagens chocantes que circulam pelas redes sociais de todo o Brasil.  Números extraoficiais dão conta de que pelo menos 18 pessoas morreram nesse massacre, dentre elas a grande maioria mulheres em que pelo menos 12 foram a óbito no local.


Foto: reprodução R.S.W.A.
 Segundo as informações ainda, não confirmadas, seis pessoas teriam sido socorridos para hospital Doutor José Frota, o maior de Fortaleza, especializado em urgência e emergência.

Todas as vítimas deram entradas com ferimentos a bala e seus estados de saúde não foram revelados pelas equipes que prestam os atendimentos.


Foto: reprodução R.S.W.A.
 Segundo relato de alguns Sobreviventes que estavam na festa, "foi uma cena terrível", com muita gente baleada caída ao chão, muitas já sem vida ou agonizando, em meio a brutal violência provocada pelo grupo criminoso.

 Dentre os mortos segundo informação de um sobrevivente, também está um pipoqueiro que vendia pipoca junto com seu filho menor.


Em meio aos relatos desencontrados pelos Sobreviventes existem divergências pelo número de criminosos que chegaram ao local, onde uns dizem de apenas quatro e outros relatam que seria um grupo em torno de 15 homens, que chegaram em três veículos e já desceram atirando.
Foto: reprodução R.S.W.A.


  Além dos corpos espalhados pela casa noturna também foi encontrado o corpo de um homem dentro de um veículo Ford Fiesta de cor prata nas proximidades da Danceteria.

 Esta já está sendo considerada a maior chacina no estado do Ceará, onde o número de mortos não foi confirmado mas pode aumentar a qualquer momento, tendo em vista os feridos que lutam pela vida na unidade Hospitalar.


 A  maior chacina registrada naquele Estado foi registrada pela polícia no anos de 2015, quando na madrugada do dia 12 de novembro 11 pessoas foram mortas. Esta chacina ficou conhecida como " Chacina de Messajana", e vários policiais foram presos na época, acusados de envolvimento no crime.


 Reposta de um grupo homens encapuzados, presos respondem e prometem morte aos rivais, caso caiam presos na mesma unidade prisional.

Vídeo: divulgado por rede social




 Um vídeo divulgado pelas redes sociais, mostram o que parece ser um grupo de presos, todos com os rostos encobertos com camisetas brancas, dando a entender que são pertencentes a uma facção, a qual as vítimas ou pelo menos parte delas pertenciam.

Os mesmos demostram que estão revoltados pelo que ocorreu com as vítimas e prometem respostas aos desafetos, inclusive convocam outros grupos simpatizantes para se unirem contra os que praticaram o massacre.

Ao que parece esta guerra ainda terá muitas vítimas no Estado do Ceará, dentro e fora das instituições Penais.

 As autoridades buscam pelos autores do massacre, mas até o momento nenhuma informação foi repassada para a imprensa, sobre a prisão de algum suspeito.

Postar um comentário:

Tecnologia do Blogger.

Postagens mais visitadas

Arquivo do blog