Informe a PRF Roubo ou Furto de veículo

Polícia Civil prende casal usuário de drogas, acusado por morte de filha de apenas 4 meses no interior de Mato Grosso



 POLÍCIA CIVIL PRENDE CASAL ACUSADO POR MORTE DE FILHA DE APENAS 4 MESES, NO INTERIOR DE MT


 A criança teria morrido em decorrência de maus tratos, agressão E ainda por falta de alimentação,causando hipoglicemia que levou a ter uma parada cardíaca, indo a óbito


Imagem ilustração


 Segundo informações da Assessoria de Comunicações da Polícia Civil de Mato Grosso, o fato ocorreu na cidade de Campo Novo do Parecis, distante a 396 km a Noroeste da capital Cuiabá.

 Os policiais Foram acionados nesta segunda dias 16, por funcionários da Unidade de Saúde municipal,  após a criança Emilly Vitória Ferreira da Silva, de apenas 4 meses de idade, ter dado entrada já em óbito no posto de saúde, conforme constatado pelo médico de plantão.


As primeiras avaliações periciais  de necropsia constataram que a causa da morte da pequena Emily foi em decorrência de uma hipoglicemia, o que causou a parada cardíaca, por falta de alimentação. 
 Foi observado durante estes exames que a criança também apresentava hematomas pelo corpo da criança , que infelizmente foi a óbito no mesmo dia em que completava 4 meses de vida.


 Segundo a assessoria ainda relatou, os Policiais Civis foram acionados por volta das 12 horas, quando a criança já em óbito deu entrada na unidade hospitalar.
Ilustração
Durante a tarde foram detidos Weverton David Ferreira da Silva de 18 anos pai da criança e A.S.S. de 17 que é a mãe de Emily.

 O casal é usuário de drogas ( pasta base, crack além de bebidas alcoólicas), e também possuem passagens criminais por delitos de pequeno porte, realizados na cidade.

 Durante as diligências os policiais ainda receberam informações através de vizinhos, que cenas de maus-tratos eram constantes na casa, onde o casal além da criança que faleceu possui ainda um outro filho de um ano e oito meses de idade.

 Na residência. os policiais ainda localizaram um cachimbo utilizado para o consumo de drogas ( Pasta base e crak).


 Os trabalhos estão sendo coordenados, tendo à frente o delegado Adil Pinheiro de Paula,  que informou que os pais deverão responderem por homicídio doloso, razão de terem assumido o risco de matar a criança, com condutas irresponsáveis; " “Um bebê de 04 meses não tem reserva calórica para ficar muito tempo sem se alimentar. Além disso, as agressões físicas culminaram em gasto energético maior e fragilização da criança, o que contribuiu diretamente para a baixa glicêmica e posterior parada cardíaca da menina”. disse ele


O pai que é maior de idade será encaminhado para audiência de Custódia, nesta terça-feira dia 17 e a mãe, que ainda é menor de idade, será apresentada ao Ministério Público, para deliberações futuras que o caso requer.


 O caso segue sendo investigado e outras providências serão tomadas no decorrer do processo, que apura ainda os maus tratos realizados contra o outro filho.

Mais Vistas

Fatalidade na MT-170; Motociclista motociclista morre ao ser atropelado por caminhão leiteiro em Salto do céu

Gefron apreende 31,5 Kg de cocaína pura na fronteira e manda quatro para o xilindró.

Desavença em "boca de fumo" termina com mulher cravando faca na cara de outra

Homem é executado à tiros no meio da rua em São José dos Quatro Marcos

PM de Salto do Céu recupera Toyota SW4, pertencente o futuro Chefe da Casa Civil de Mato Grosso

Bombeiros encerram buscas por mulher que se jogou no rio para salvar filha

Gefron prende Casal de Pontes e Lacerda por evasão de Divisa em Porto Esperidião, quando seguia para Bolívia

PM de Mirassol D´oeste recupera Hilux arma e munições roubadas de fazenda em Curvelândia

Polícia Civil apreende 350 kg de maconha em rodovia na entrada da Capital

PM prende estelionatária de 65 anos após golpe em Banco de Curvelândia, outra mulher estava junto mas alega ser inocente

Seguidores