Postagens

Tecnologia do Blogger.


PM PRENDE ESTELIONATÁRIA DE 65 ANOS, APÓS GOLPE EM BANCO DE CURVELÂNDIA, OUTRA MULHER QUE ESTAVA JUNTO ALEGA INOCÊNCIA.


A mulher havia aberto uma conta com identidade falsa e conseguido até empréstimo de mais de 7 mil Reais no caixa eletrônico,  mas acabou em  cana após a descoberta do crime.


Fotos: maior Raul Valentim ( agencia Sicredi) menor reprodução WEB


 A prisão de duas mulheres dentro da agência da Cooperativa de Crédito Sicredi, ocorreu na cidade de Curvelândia distante a 280 Km da capital Cuiabá, no início da tarde desta sexta-feira dia 14.


 Os Policiais Militares foram acionados pela gerência da agência, que relatou que um estelionato estava ocorrendo dentro da agência na qual envolvia duas mulheres como suspeitas.

 Um dos atendentes desconfiou da mulher e informou a gerência que acionou a polícia Militar. 

 Uma equipe da PM de Curvelândia em conjunto com Policiais Militares de Mirassol D´oeste deslocaram até o local, onde constataram o uso de documento falso e realizaram a prisão de duas mulheres, apontadas como autoras do estelionato.



 A gerência do Sicredi informou que há poucos dias atrás a suspeita identificadas pelas iniciais C.B. de 65 anos, esteve na agência onde abriu uma conta corrente utilizando o nome Maria da Guia Lima.
Identidade falsificada utilizada pela estelionatária - divulgação PM ( ed F.A.)

 Durante a abordagem as mulheres, uma identificada pelas iniciais R.C.C. de 45 anos e a outra sendo uma foi  identificada como C.B de 65 anos,  que se passava por Maria da Guia Lima  e apresentou a identidade, que durante a checagem do documento, foi constatado ser falso.


 De mediato as duas receberam voz de prisão sendo conduzidos para a sede do NPM ( núcleo de Polícia Militar) para esclarecimento dos fatos e a confecção do Boletim de Ocorrência.


 Durante a entrevista a suspeita  relatou o que seu nome verdadeiro é Cleni não Maria da Guia e que havia mandado falsificar a identidade devido estar com nome negativado junto ao SPC e Serasa.

 A mulher relatou ainda que  na realidade o documento é de uma mulher moradora da cidade de Poconé.


A  outra mulher que estava junto com Cleni, se identificou como Regina, moradora de Cuiabá, que informou que  teria sido contratada por pela suspeita pelo valor de R$ 450,00, para trazer a mesma até Curvelândia.

Regina alegou não saber de nada a respeito do golpe aplicado por Cleni, mas também foi presa e teve apreendido o veículo Fiat Uno  de cor  branca com placas de Goiânia. 


Ilustração WEB ( reprodução)
 Segundo a gerência relatou Aos policiais, Cleni já esteve em data anterior no Banco, onde abriu uma conta corrente com o documento falso e já teria realizado um empréstimo no valor de R$ 7.100,00 ( Sete mil e cem Reais), através do caixa eletrônico. 

Foi disponibilizado ainda pela agência um cartão Sicredi Mastercard Gold no limite total de R$ 2 Mil Reais e também mais mil Reais na conta como limite.

 A estelionatária teria voltado  nessa sexta-feira, 14  solicitando um talão de cheques, quando um dos funcionários desconfiou da mesma acionando a Gerência que solicitou a Polícia Militar, que confirmou o golpe que era praticado contra a instituição financeira, conforme consta no B.O.



 Diante dos fatos as suspeitas foram conduzidas para a Delegacia de Polícia Civil de Mirassol D´oeste, juntamente com veículo apreendido onde outras providências foram tomadas.

Postar um comentário:

0 comments:

Postagens mais visitadas

Arquivo do blog