Postagens

Tecnologia do Blogger.


ULTRAPASSAGEM PROIBIDA CAUSA MORTE DE DUAS MULHERES NA BR-174, PRÓXIMO A PORTO ESPERIDIÃO

 Para não bater de frente com a caminhonete que ultrapassava uma carreta em local proibido, outro motorista tentou desviar e bateu numa uma árvore, duas mulheres foram a óbito e outras três pessoas ficaram feridas


Foto: R.S.W.A/Ed F.A.
 O acidente ocorreu na tarde deste sábado dia 9 na BR 174,  próximo a fazenda Garça Branca, distante a cerca de 7 km de Porto Esperidião,  mobilizou Policiais Militares de Porto Esperidião, Glória D´oeste e do Gefron, que deram apoio aos policiais Rodoviários Federais, ao Resgate do Bombeiros, que se deslocaram ao local, para prestar Socorro às vítimas.

Como também haviam duas pessoas, que infelizmente não resistiram aos ferimentos e foram óbitos, também foi acionado a Uma equipe da Polícia Civil, a Perícia Técnica, e o IML, para iniciar os trabalhos periciais e remoção dos corpos das vítimas.


 A primeira equipe que compareceu ao local do acidente foi uma guarnição do Gefron ,que é prontamente iniciou os trabalhos de sinalizar o local para evitar outro acidente e também aglomeração de pessoas, que pudesse levar novo acidente e risco as próprias vidas, devido ao grande tráfico de veículos no local.


 Uma caminhonete Ranger com placas NED- 7524, da cidade de Pimenteiras do Oeste, Rondônia estava fora da estrada, pois havia se chocando violentamente contra uma árvore.



 No momento do acidente 5 pessoas, sendo três mulheres uma criança e o motorista, estavam no veículo seguindo sentido Porto Esperidião para Cáceres-MT.

 Uma mulher, esposa do condutor identificada como Ana Macedo Barreto de 39 anos ( esposa do condutor) e uma menina N.M.B. de 4 anos filha do casal, ( estava numa cadeirinha), foram socorridos por outros motoristas que passavam pelo local e primeiramente levadas para o Posto de saúde de Glória D´oeste, onde não havia médico naquele momento.

Devido a isto os populares retornaram com as vítimas até o Pronto  atendimento na cidade de Porto Esperidião, onde foi constatado apenas ferimentos leves.


 O motorista  também, com ferimentos leves relatou aos militares que estava seguindo sentido à cidade de Cáceres e quando próximo a Fazenda Garça Branca se deparou com uma caminhonete VW Amarok, fazendo uma ultrapassagem em um caminhão,  em local proibido, devidamente sinalizado com faixa contínua.


 Para evitar a colisão frontal com este veículo, mesmo tentou desviar-se para lateral da pista, sendo  que acabou perdendo o controle da direção e saindo da estrada e chocou-se violentamente contra uma árvore.


 No local compareceram a equipe da PRF que deu prosseguimento aos trabalhos, juntamente com equipes da Polícia Civil, Politec e também do IML que removeram os corpos das vítimas para cidade de Cáceres.

Segundo as primeiras informações obtidas Luzinete Ferreira da Silva de 47 anso ( irmã do condutor) e Terezinha Souza Silva 75 anos (mãe do condutor) não resistiram aos ferimentos e foram a óbito no local.

 Tercílio da Silva, de 54 anos, que era o condutor do veículo sofreu escoriações leves, assim como também  sua mulher e sua filha, que também eram passageiras do veículo.


 Todos seriam do Estado de Rondônia tiveram seus sonhos interrompidos, devido a irresponsabilidade e imprudência em um verdadeiro ato criminoso do outro condutor, que ceifou as vidas de duas pessoas inocentes.

Conforme informação recebida na manhã deste domingo, o veículo Amarock parou no local e estava sendo conduzida por  I.L.F , 23 anos,  tendo como passageiros I.G.F., 69 anos e D.L.R. , 75 anos, que não sofreram ferimentos.

 O veículo tem placas de Comodoro e seu condutor informou que ao iniciar a ultrapassagem a um veículo de carga observou a Caminhonete que seguia em sentido contrário, indo pro acostamento e posteriormente saindo da pista e se chocando contra uma árvore.

 Essa tragédia foi registrada pela polícia na Delegacia de Polícia Civil de Porto Esperidião que passa a investigar, o caso

Postar um comentário:

0 comments:

Postagens mais visitadas

Arquivo do blog