Postagens

Tecnologia do Blogger.

PM PRENDE PEDÓFILO QUE ABUSOU SEXUALMENTE E ENGRAVIDOU A SOBRINHA DE 14 ANOS, EM LAMBARI D´OESTE

A vítima estava com  a mãe e o Conselho Tutelar e disse que quando dormia na casa da tia, o suspeito saia da cama da esposa e ia para sua cama onde os abusos aconteciam.



Imagem ilustrativa


 O fato foi registrado por Policiais Militares do Núcleo de Polícia de Lambari D´oeste, na tarde desta sexta-feira dia 10, quando uma adolescente de 14 anos, juntamente com a sua mãe e conselheiras tutelares compareceram aquela Unidade e realizaram a denúncia.

 A vítima informou aos policiais que estava grávida de dois meses do marido de sua tia, que é irmã de sua mãe.

 Segundo a mesma relatou aos policiais, seu tio  mantinha relações sexuais com ela desde o ano passado, quando os abusos começaram,  e sob ameaça a mesma ficou com medo de fazer a denúncia.

 Ainda conforme relato da vítima, abusos começaram no ano, passado quando a mesma ainda tinha 13 anos e passou a ir dormir na casa de sua tia.

 Ainda segundo a Vítima a mesma dormia numa cama de solteiro, no mesmo quarto em que a tia e seu tio dormiam em uma cama de casal e durante a noite o mesmo se aproveitava e quando a esposa dormia ele ia para a cama da menor  e a violentava.
Imagem ilustrativa/ DENUNCIE
 A mesma relatou ainda diante da mãe e das conselheiras que os abusos sexuais ocorreram entre 15 e 20 vezes  e o medo fez com que a mesma não revelasse anteriormente os abusos sofridos.

 Diante da denuncias os Policiais Militares, acompanhados das conselheiras e da genitora da vítima se deslocaram até a residência do suspeito, onde o mesmo foi comunicado da denúncia e recebeu voz de prisão, sendo conduzido primeiramente para o Núcleo de Polícia Militar para confecção do boletim de ocorrência.


 Durante a entrevista o mesmo não negou acusação, porém disse ter praticado o abuso somente uma vez.


 Diante dos fatos narrados  o suspeito J.S.S. de 49 anos, que não possui passagens criminais, foi conduzido para Delegacia de Polícia Civil de Rio Branco, onde outras providências pertinentes ao caso foram tomadas.

Postar um comentário:

0 comments:

Postagens mais visitadas

Arquivo do blog